Jovem morre em Jaicós afogado no açude Tiririca

3 de novembro de 2013

Geral

19:53

Uma turma de homens nadadores resgataram neste exato momento o corpo do jovem Vinícius dos Santos de apenas 16 anos, que morreu afogado ontem 02/11 por volta das 15:30hs quando nadava na companhia de outras cinco pessoas nas águas barrentas da represa do açude Tiririca na cidade de Jaicós.

afogamento_afogado

A tragédia aconteceu ontem, o corpo de bombeiro de Picos foi acionado, vieram mais por falta de equipamentos não realizaram o resgate do jovem, acionaram o corpo de Bombeiros da capital Teresina, e mais não houve nenhuma resposta por parte dos mesmos, hoje bem a nossa redação chegou ao açude bem cedo, encontrado uma multidão de pessoas que aguardavam a chegada do corpo de Bombeiros da Teresina, em quanto isso cerca de 15 homens nadavam e mergulhavam nas águas do açude em procura do corpo do jovem.

afobgdtfDSCF3058(1)

Vários boatos se ouvia nas margens do açude de que o corpo de bombeiros estava a caminho, uns dizia que havia saído ontem, e outros diziam que tinha saído hoje da capital Teresina, mais era uma coisa inserta, os populares indignados pela de ação do corpo de Bombeiro continuaram a procura do jovem e por volta das 9:30hs  encontraram o corpo do jovem no fundo do açude na parte das águas mais funda. Nesse momento o corpo do jovem foi conduzido para o hospital Florisa Silva na cidade de Jaicós onde será feito os procedimentos médicos e liberado para família fazer o velório, a até o exato momento não era chegado nenhum corpo de Bombeiros.

O resgate aconteceu sem nenhuma ação por parte da segurança pública do Estado do Piauí, somente por esforço da população que ficaram indignados com a falta de resposta por parte do Estado e resolveram tomar as providencias, a única representação da segurança pública que ajudou no resgate foi a soldado PM Bispo da cidade de Jaicós, que contribuiu para o resgate de livre e espontânea vontade, apesar de não ser do corpo de Bombeiro.

Fonte: Portal Ponto Net

Ainda nao h comentarios.

Deixe um comentario